Casarão

http://img856.imageshack.us/img856/2876/img20021.jpg

By leopalmuti at 2012-05-12

Câmera Canon EOS REBEL T2i
Exposição 0,002 sec (1/640)
Abertura f/8.0
Distância focal 55 mm
ISO 400
Compensação de exposição 0 EV
Flash Off, Did not fire
Lens EF-S55-250mm f/4-5.6 IS

O corte da foto não me agradou muito. Se o entorno do casarão não trazia nada de interessante (aparentemente é mato), a foto poderia ter sido tirada na vertical.
O tratamento da imagem eu não vou julgar, pois não entendo nada disso.
Abraços!

leopalmuti,
não é uma foto boa de olhar. :no:
foi esse o meu primeiro sentimento sobre ela.
e depois de olhar mais um pouco, continuo com o mesmo sentimento.
Vamos lá. pra frente!!
Abraços

Não gostei do enquadramento e o efeito sépia não valoriza muito…

Oi Leo :ok: :ok:
Também achei que o enquadramento e a cor não ficou legal :slight_smile: :slight_smile:

Pessoalmente não gosto muito de sépia E esse não foi diferente.
A composição não é interessante e o corte ali em cima foi erro primário.
Eu tentaria verter para O P&B para ver como ficaria, apenas como exercício de pós mesmo, porque acho que pode render bons tons de cinza aí.

Somos acostumados a ver fotos antigas com esse formato, eu prefiro sem efeito, penso que seria melhor se o imóvel fosse todo enquadrado.

Realmente o corte não ficou legal. Também acho que um tratamento em P&B poderia render melhores resultados…

Não gostei muito do efeito nem do corte…

Olá vou dar minha opinião de iniciante de fotografia, eu gostei da foto, da cor, achei que a imagem passa um ar abandonado; bem diferente do que era quando habitado, gerando um momento de reflexão, entretanto o corte também achei estranho, principalmente no beiral, parece que o fotógrafo escolheu mais chamar atenção na cerca, pena que não consegui saber onde foi o ponto do foco.
Veja bem é uma simples opinião e também acho que a foto em P/B ficaria linda.
Parabéns gostei.

O Enquadramento poluiu muito a foto, muitos datos em toda a extensão da foto…Mas a idéia do PB talvez valorizasse um pouco mais