DX Pro

Li bastante, assisti alguns vídeos internacionais e também me correspondi com a ocasião.
Muitos acham que a Nikon abandonou a linha das câmeras DX Pro. Aguardam ansiosos por uma melhora da D300s, que é um tanque de guerra.
Porém, acredita-se que a Nikon desistiu do segmento, obrigando assim, os clientes à pular para as câmeras DX.

Tenho uma 300 e uma 610. Sinceramente, FF realmente é o futuro de todo bom fotógrafo, mas quem já utilizou uma daquelas chamadas DX PRO, D200, 300 ou 300s sabem que são câmeras de confiança, durabilidade e robustez.

Não vejo bem por aí, como “futuro de todo bom fotógrafo”. Eu particularmente vejo mais vantagens no sistema DX (ressalva para a questão de ISO alto, se comprado a uma DX de tecnologia igual de sensor). A maior profundidade de campo (q eu prefiro para social), aumento do range das objetivas, mais barata, objetivas mais baratas com melhor aproveitamento em termos de qualidade. Uma objetiva razoável para FX, fica muito boa numa DX, pois a melhor parte q é usada.
Tenho FF para retratos ocasionais e por ela me oferecer mais DR e ISO melhor, mas não abro mão de uma DX. Isso falando de Nikon. Comparando uma DX Nikon com uma concorrente FF, a Nikon DX de sensor atual nem fica atrás. Aliás, só comprei FF pq a Nikon demorou a lançar a D7100 ou a substituta da D300 e a FF supria no momento a minha necessidade de ISO e DR.
Tendo uma DX q me ofereça um ótimo DR e bom ISO nem pensaria mais em FF…

Eu mesmo mudei de sistema por causa disso.
Não investiria em FX pela própria desnecessidade.
Quanto ao “futuro de todo bom fotógrafo” é um assunto bastante discutido por aqui. Realmente tem muitas pessoas que enxergam o trabalho no equipamento utilizado, ou o sistema, como em um recente caso contado por aqui. Não é meu caso, prefiro acreditar na qualidade de quem faz de fato o trabalho.

Mas a questão principal não são minhas opiniões amigos, são opiniões pessoais.
O assunto do tópico é descontinuidade da Nikon sobre a série.

Muitas das decisões sobre fabricação ou não de produtos não está atrelada a conceitos “racionais”.

O mercado criou esta coisa de q FF é a “verdadeira fotografia”, “Verdadeira máquina fotográfica”, “Máquina séria” e coisas do tipo. Notem q escrevi tudo entre aspas, então não façam confusão na interpretação.

A FF atende muito bem determinado fotógrafo e pode não atender outros.
Tem espaço e uso para ambos sistemas, mas a fábrica vai seguir o q o povo quer, seja isso racional ou não.
Eu, (e repito: EU) prefiro e vejo mais vantagens no sistema DX. Por ser mais barato tanto corpo quanto lentes, por aproveitar melhor as lentes, poo oferecer maior profundidade de campo (q uso muito), pela multiplicação da distância focal da lente.
Antes, existia uma certa carência de objetivas grande angular no mercado (e talvez isso tenha sido UM DOS motivos q fizeram muitos falar em FF e lembro bem disso), mas hoje o mercado é bem suprido com relação a estas objetivas.
Veja: Uma lente maravilhosa q custava bem pouco é a famosa (e descontinuada) Nikon 18-70. Temos no mercado a excelente Tamron 17-50, a Nikon 12-24 , as tokinas… Lentes muito boas e relativamente baratas. Se fossem para FF seriam bem mais caras…E ainda tem a questão da distorção, q nas lentes DX é menor…
Fotos Macro é inegável a vantagem do DX, por oferecer maior aproximação e maior profundidade de campo. Fotos de still também é vantajoso o DX.
Fotos de natureza e esportes, também vejo vantagens no DX…
No meu modo de ver, não consigo entender toda esta grita em pró do sistema FF, salvo quando o sensor venha a entregar melhor ISO e DR (caso q me fez comprar uma) ou o caso de alguem q prefira a menor profundidade de campo.
Alguem com ideia diferente sobre o FF, poderia enumerar as vantagens técnicas de se ter uma em relação a DX. Tirando a questão ISO e DR (q já já está muito bom no DX das Nikons )o q vejo é só a profundidade de campo menor. O q poder até ser desvantagens para alguns. Assim , nem sei se seria um ponto a favor ou só uma característica desejável para um e não todos.
Vamos aguardar a manifestação de algum colega com uma visão diferente sobre o assunto.
Eu, pelo q enumerei, vejo muito mais vantagens no DX.

Esportes, pássaros e animais selvagens, fotojornalismo… 1.5 x de teleobjetiva. :assobi:

Puxa vida, eu gostaria imensamente que outros amigos viessem contrapor suas colocações. Eu li por aqui INÚMERAS vezes que FF era outro mundo… Eu mesmo pensei seriamente em vender minha DX e comprar um FF só pra ver que gosto tem, apesar de ser apenas um amador com pouquíssimo tempo livre para “brincar” de fotografia.

Eu até coloquei todo meu equipamento à venda, e pretendo ficar só com as compactas, que pra meu uso está pra lá de bom. De repente um RX-1, mas isto é outra história.

Por favor turma da FF, venham pra cá e discorram. Estou certo que todos têm muito interesse nesta discussão.

Tecnologia está mudando.

Eu prefiro FX… não só pelo melhor ISO e DR, que de fato está cada vez melhor em ambos os formatos, mas porque eu comecei a fotografar na época do filme, então me habituei e gosto muito das características visuais que o formato me proporciona. Isso é pessoal.

Quanto ao assunto “DX Pro”, parece-me que a Nikon D7100 é bastante robusta e está apta a atender profissionais em geral na maioria das situações.

FF é outro mundo, ISO melhor, profundidade de campo e bokeh diferenciado… angulo de visão e muitos outros benefícios.

Uma vez que se entra, não volta.

Sobre a D300s e a futura “D400” , vamos esperar sentados. A Nikon não sabe oferecer o que o fotógrafo precisa (Vide os laçamentos da d610/d750). Já a canon sabe se posicionar direito, com funções e câmeras específicas para cada de necessidade dos diferentes tipos de fotógrafos, (6D / 7D MKII / 5D MK III etc)

Logo, quem ta entrando e precisa de uma DX de confiança para backup da principal FF a sugestão é ir pra Canon, pois a nikon está forçando a migração pra FF e não ta sabendo suprir as necessidades.

Para as FF também se pode fotografar em modo dx, com menor resolução. Isto a torna uma “dx” cara, hehehe.

Mas concordo com o colega, dx tem suas vantagens, fora que por vários anos só tínhamos dx… E fomos bem com o que tínhamos.

Creio que seja a fome que quase todo fotógrafo tem por equipamentos novos e caros, hahaha…

É difícil encontrar pessoas que somente faça upgrades por necessidade… Aí fica um monte de newbies perguntando qual equipamento comprar sem informar a finalidade…

Por isso mesmo achei válido e interessante o tópico.

ISO melhor se compararmos tecnologias do mesmo fabricante. Mas tem algumas observações: O ISO e a latitude dos novos sensores DX das Nikons está num nível muito bom e a diferença pode nem ser útil para muitos.
ângulo de visão: Temos fartura de lente grande angular de ótima qualidade e com preços bem mais em conta para o sistema DX. Não creio q isso hoje seja relevantes, salvo situações muito específicas. Além do mais no sistema DX a lente sofre bem menos distorções, o q é muito bem-vindo.
Profundidade de Campo: A questão de vantagem ou não é relativo a cada pessoa e seu modo de fotografar. Para muitos caso (diria a maioria) a maior profundidade de campo é mais benéfica. Mesmo em social ainda acho melhor contar com mais PC e posso citar muitos exemplos. Já com FF só vejo a situação do desfoque mais acentuado. Mesmo assim, partindo de um desfoque na DX vc no PS consegue fácil incrementar o desfoque e com qualidade. Agora, no FF se perder nitidez ppela PC reduzida, não tem jeito…

Continuo vendo argumentos simplistas para defesa do FF. Nada realmente concreto e robusto. Ao contrário, nno DX vc pode enumerar uma série de vantagens “reais”.
E falo isso com segurança, pois sou da época do filme e também por possuir uma FF (D600) e ter tido a D800.
A D7100 já chegou num ótimo patamar de ISO e DR. A próxima geração virá ainda melhor… Não compraria hoje uma FF, salvo falta de opção. O q não é o caso atual, com as ofertas de ótimas CAMs DX.

Utilizei a 5D Mark II com a 24-105 f/4 L, não me agradou para o meu tipo de fotografia.

Usar FF é excelente, desde que você tenha grana para bancar lentes bem caras, principalmente teles.

Um sensor cropado não é de"uso inferior" ou de “alguém que ainda não conseguiu comprar uma FF”, é uma grande bobagem que tenho lido com fequência no fórum, para cada uso, uma câmera, bem simples.

Com o lançamento da 7d Mark II acredito que a Nikon vai se posicionar.

Só para complementar: Se puder e/ou for realmente preciso o “Q” a mais de ISO e Latitude, compre os dois sistemas. Se tiver de ser racional com a grana: Compre DX.
Se DX te atender em termos de ISO e DR: Compre DX…
Se fotografa natureza e esportes: DX
Se Faz ou vai fazer Macro ou Still: Compre DX
Se não quer ter problema no Social (onde fazemos fotos rápidas) pela menor profundidade de Campo e ter uma margem maior de segurança (e mesmo composição, como noivos lado a lado em plano inclinado): Compre DX.
Em tempo: Além da lentes mais baratas e com melhor aproveitamento em qualidade, os corpos das DXs são muito mais baratos.

Se o Lúzio postasse isso a alguns meses, um ano atrás, seria crucificado :slight_smile:

Teve muita gente que apregoou a morte dos sistemas DX/APS-C. Eu sempre achei que um sistema cropado, com lentes específicas para ele, eram um ótimo negócio. Como diz o Cláudio, é um sistema competente sem ter que carregar (e pagar) por vidro que não é usado. E caso use sistemas FX como principal, ainda serve como backup usando as mesmas lentes.

Exato, ele cumpre seu papel.
Não discordo que ao usar um sistema FF devidamente “abonado” com primes a profundidade de campo e tridimensionalidade das fotos impressionam, um excelente mundo para quem gosta de wide;
No meu caso eu possuía uma D7000, 18-70, 35 1.8G, 85 1.8G e uma 70-300VR… ao trocar por uam 5D Mark II com 24-105 f/4 L eu brochei!!! Me senti com uma 18-55 na mão! (ou quase, uma 15-65mm proporcionalmente ao fator de crop der 1.6x)
Para meu uso nos dias de hoje a opção seria uma D7100 ou 70D (já utilizei). FF só se pudesse bancar as lentes dos sonhos, principalmente teles.

Vou te falar que hoje em dia penso bem assim como a maioria aqui. Dx tem sim seu espaço e suas vantagens (que não são poucas). Já tive vontade de comprar uma 70D, agora tenho vontade de comprar uma 7D II. Já tive vontade de migrar todo meu sistema pra Fuji X (APS-C).

A Nikon resolveu aproveitar bem esse excelente sensor de 24MP da Sony, foram 4 câmeras lançadas em pouco tempo com ele (D600, D610, Df e D750), não sei se estão dispostos a investir muito para continuar a linha profissional Dx. Talvez agora, para competir com a 7D II, e dependendo também da resposta do mercado à câmera. Mas não acho que devam abandonar de vez os sensores cropados.

Pro meu uso, e pro modo como eu uso, ainda acho que as FF dão mais vantagens que as cropadas. Mesmo com preço superior ainda acho que pra mim compensa. Mas pra quem não tem necessidade, não tem porque sair de Dx mesmo.

Só mais uma coisa. De uns tempos pra cá têm saído objetivas ótimas exclusivas pra cropadas. Uma delas é a excelente Sigma 18-35/1.8 Art. Outra que sairá em breve e deve ser ótima é a Canon EF-S 24/2.8 pancake (pode falar de Canon aqui? rsrs). Isso só melhora a vida de quem optou pelo formato. Tomara mesmo que a Nikon não “abandone” Dx.

Eu ja me iludi com essa conversa de que FF é o que há na fotografia, pulei de uma D90 para uma Canon 6D… No começo todo empolgado com o equipamento novo, estava achando tudo uma maravilha, mas, com o passar do tempo, fui vendo que para o meu caso era um gasto totalmente desnecessário… Para quem fotografa profissionalmente acho que vale a pena sim investir em FF desde que tenha retorno, mas para quem fotografa por hobby, as Dx que temos disponíveis hoje atendem a todo tipo de necessidade(dos hobbystas), eu particularmente me arrependi de ter gasto uma grana alta em um equipamento FF, tanto que vendi, e estou voltando pra cropada.

Pessoal, por que DX tem vantagem em fotos de natureza? Seria de pássaros, animais, etc?

Para paisagens, acho FF melhor. Os detalhes são mais ricos e as ampliações saem melhores. :ok: