Minority Report/Central do Brasil

Ontem a Globo passou dois filmes que têm um cuidado especial na fotografia. Primeiro, Minority Report: o filme é todo superexposto, dando um ar até de sonho. Parece que usaram um filme com maior sensibilidade ou puxaram no negativo…

Em algumas cenas a granulação é absurda. Mas o filme é interessante para entrar em contato com essa estética e ver que pode-se fazer muita coisa interessante explorando a superexposição e os tons claros.

Já, logo depois, o filme Central do Brasil parece seguir o beabá da composição. Em todas as cenas vemos conceitos básicos como a regra dos terços e a simetria. Em alguns momentos, como quando os protagonistas caminham sobre um morro, a câmera se desloca em torno do assunto de forma a mantê-lo sempre no mesmo terço.

A fotografia é muito bonita sob este aspecto, mas de certa forma chega a conferir uma certa monotonia às cenas em função dos clichês de composição. De qualquer forma, melhor os clichês do que simplesmente não ter planejamento. É um filme que poderia muito bem ter ganhado o Oscar de fotografia, não?

E você, colegas de fórum, que impressões tiraram sobre a fotografia desses filmes?

Que coincidência, Francisco!

Vi os dois filmes também, nessa última exibição da Globo. De fato, posso repetir tudo o que você disse sobre o ‘Central do Brasil’: composição bastante trabalhada com o uso dessas técnicas que você já mencionou.

Quanto ao ‘Minority Report’, achei legal essa fotografia ‘high key’ que você menciona, com predominância de tons claros. Mas o que mais me marcou nesse filme, de cara, foram aquelas cenas em que aparentemente eles fizeram processamento cruzado com o filme, conseguindo aqueles tons azulados/esverdeados característicos. É realmente bem interessante.

Abraços!

– thiago

Minority Report é realmente brilhante, eu assiti ontem crônicas de Narnia, gostei muito da fotografia também, mas achei que faltou cuidado com o uso dos croma key em algumas cenas, mas em termos de composição e iluminação tem muitas cenas interessantes.

Aproveitando o embalo…
Sei +/- o que é a fotografia em um filme…
Mas o que é exatamente?

Um filme é uma sequencia de fotos, seus princípios são os mesmos da fotografia convencional, iluminação, tons, níveis de contrastes, composição, etc.

Léo, também assistí “As Crônicas de Narnia” e também reparei na falta de cuidado em algumas cenas quanto ao uso do croma key. Fiquei me perguntando: Como a Disney deixa passar tais detalhes? Aí pensei: as vezes trabalhasse com esmero nas tarefas mais difíceis e desloca à atenção dos detalhes mais simples…

Tirando isso, adorei a fotografia do filme.

Gosto também de filmes que têm como locações lugares urbanos do leste europeu. São atmosferas totalmente poéticas, acinzentadas, carregadas de história e mistério. O Seriado que passava na Warner “La Femme Nikita” era um exemplo clássico dessas locações.

A única coisa que me agradava neste seriado canadense…

http://img283.imageshack.us/img283/33/petawilson003b0pj.jpg

rsrsrsr! Confesso que inicialmente era o motivo pelo qual eu vía esse seriado. depois é que fui analisar a fotografia!

croma é fogo viu. só reparar que a grande maioria das grandes produções americanas sempre peca (feio) nesse aspecto. para iluminar croma tem que ser O cara, porque um pequeno descuido vira um desastre depois. se não recortar bem dá nisso…

mas a fotografia do minority é show, adoro. a do AI também é demais. são dois filmes que se assemelham no geral.

da central não me passa nada demais, pelos motivos que tu me disse.

as últimas boas fotografias que vi, foram do grande Zhang Yimou, que apesar de ser diretor também é fotógrafo, então tem uma atenção especial para a fotografia na criação do roteiro e da produção do filme, no caso “o clã das adagas voadoras”. e também assisti “paraíso” (heaven), que é do jeito que eu gosto: poucas falas e muita expressão, inclusive pela fotografia.

hai alguem aqui assistiu o SIN CITY? po gostei da fotografia dele tb, lembrado a versão em gibi…

Sim a fotografia deles foi realmente muito boa, muito contraste, ficou realmente bem interessante.

Vocês falando de croma key e eu lembrei do Chapolin, aquilo era tosco demais. :laughing:

vocês já viram JK ?? :clap:
prestem atenção…

vocês já viram JK ?? :clap: prestem atenção...
Ainda não assisti nenhum capítulo... e a fotografia é boa mesmo?

eu gostei muito…
assista!
além disso é uma boa aula de historia com algumas estorias

eu gostei muito... assista! além disso é uma boa aula de historia com algumas estorias
Bom, posso assistir pela fotografia, mas aula de história via Rede Globo... :nono:

Mas também ouvi dizer que as estórias são interessantes.

hehehe, estorias…
experimenta, experimenta…